Anicca

Ela não existe.

É um espaço vazio com pequeniníssimas partículas que dançam, e as pequeniníssimas partículas são pequeniníssimos espaços vazios em que dançam partes ainda menores, e estes são espaços vazios que comportam espaços vazios que comportam espaços vazios que comportam vazios até onde não se sabe e até onde talvez nunca se saiba.

Ela não existe.

Se ao menos suas partes não-vazias pudessem parar de dançar por um segundo, se ao menos uma enorme coincidência fizesse com que elas passassem exatamente pelos espaços vazios do corpo à sua frente, o corpo que também não existe, se ao menos fosse possível.

Ela não existe. No entanto repousa até que uma microexplosão a desloca através de um cano estriado em que ela gira, e voa girando, e tudo acontece num tempo ínfimo, menor que o segundo, um tempo facilmente calculável por meio de operações simples mas que resultam desnecessárias para quem vê, porque não se pode ver. E é nessa velocidade absurda e invencível que ela encontra o corpo inexistente. O corpo não vê, não se move. Ouve e não percebe, sente e não entende: o encontro.  O corpo cai: sabe.

Ele não existe. No entanto suas partes não-vazias seguem dançando e agora compondo com as da coisa metálica um conjunto impermanente a que virão se somar partes vazias e não vazias de bichos invisíveis e visíveis até que tudo vire terra e metal.

***

‘Coisa’ escrita a partir do mote do Cósmico Clube em uma Casca de Ovo: um trecho de A torre negra, de Stephen King.

Anúncios

2 comentários sobre “Anicca

  1. Dante Gastaldoni 21/04/2017 / 11:07

    Sonolento que estava, acabei identificando no seu texto alguma coisa intangível, que se apresenta ora como bala perdida, ora como as mônadas de Leibniz. Foda.

comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s